Nossa história - Fazenda Santa Branca

A História da Fazenda Santa Branca começa junto com a história de Paulo Sergio de Mello e Silva Assumpção.

Em 15 de novembro de 1972 na cidade de Curitiba – PR, nascia Paulo Sergio de Mello e Silva Assumpção, filho de Paulo Rubens Fruet de Assumpção e Suely de Mello e Silva Assumpção. Apesar de Paranaense , criou-se em Santos – SP em virtude dos 35 anos que seu pai trabalhou em uma multinacional de fertilizantes na cidade de Cubatão.

 

Sua família possuía as terras que eram arrendadas  para o Sr. Lucio Miranda em Tibagi – PR, as quais anualmente Paulo Sergio visitava acompanhado dos pais.  Não havia interesse da família em trabalhar nestas áreas até Paulo Sergio alcançar a idade natural de definições de carreira, quando então passa a demonstrar atração pela atividade agrícola.

 

Motivado por seu jovem espírito empreendedor e interesse pelo agronegócio, ingressa em 1990 na Faculdade de Agronomia do Espírito Santo do Pinhal no interior Paulista. Durante este primeiro ano de faculdade, a família possuía na fazenda Santa Branca uma sede e algumas cabeças de gado numa área de pasto de aproximadamente 180 há, porém ninguém da família oficialmente administrava essa estrutura.

 

Coube então ao Paulo Sergio, mesmo ainda jovem, enfrentar o desafio, assumindo oficialmente a administração da fazenda no dia 07 de setembro de 1990, acompanhado da sua mãe Sra. Suely, que cuidava da casa enquanto ele cuidava das atividades no campo. Tempos difíceis, não havia TV nem telefone.

 

Em 1992, decide tirar do arrendamento uma área 120 há  para aumentar a estrutura de pecuária. Passou então a programar mais um aumento de área para o ano de 1994, este sendo 225 há. Seu pai, Sr. Paulo Rubens, homem de grande visão de negócio, sugere a Paulo Sergio que investisse em agricultura nestas novas áreas ao invés de pecuária.

 

Em abril de 1994, inicia  a atividade agrícola plantando aveia cobertura, com apenas um trator MF 265, uma máquina que lança sementes  e uma grade niveladora. Em outubro do mesmo ano, época de plantio de soja, já haviam comprado um Trator de 100 cv, uma plantadeira de 8 linhas e um pulverizador de arrasto 2000 lts . Em outubro de 1994 o plantio de soja foi iniciado.

Paulo Sergio ainda cursava o último ano de faculdade e seu único contato com a fazenda era quando um dos seus funcionários ia à Vila Pinheiro seco, onde possuía um telefone e de lá ligava para ele atualizando informações.

 

Em dezembro de 1994, Paulo Sergio finalmente se forma e em janeiro de 1995 passa a ficar tempo integral na fazenda.

 

Desde então manteve uma programação de ir a cada dois anos anexando áreas que estavam arrendadas, resgatando-as para o projeto de expansão agrícola.

 

Em abril de 1996, seu pai  ficou um longo período hospitalizado. Nessa época, plantava-se  uma área de 350 há e os negócios estavam indo bem, mas ainda em uma estrutura bem pequena. Paulo Sergio então sugere ao pai, ainda no hospital, que largasse o emprego na multinacional em Cubatão e viesse em definitivo para Tibagi auxiliá-lo no agronegócio, o que na sua visão contribuiria para dar maior velocidade a expansão da fazenda.

 

No final desse mesmo ano, seu pai já havia largado o trabalho e então os dois passaram a investir na unidade de secagem e armazenamento de grãos , além de ampliar o maquinário com a compra de uma colheitadeira.

 

À partir de então o crescimento foi vertiginoso, até que em 2006 pegamos a última área que ainda se encontrava arrendada e passamos a plantar toda a área própria.

Esta é a história resumida da Fazenda Santa Branca Paulo Sergio de Mello Assumpção.

Uma história de sucesso, mas também de sacrifício, pioneirismo, crença no poder da terra, do trabalho e do amor ao campo.

           

Hoje a Fazenda Santa Branca possui uma estrutura moderna e voltada para a qualidade; Investe em seus recursos humanos com afinco; Desenvolve tecnologia avançada desde a preparação do solo, plantio e na colheita; Atua junto ao capital humano dentro de padrões diferenciais de premiação, benefícios, vantagens, planos de saúde, refeitório, salários atraentes e um ambiente profissional sem deixar de ser familiar, onde todos possuem uma relação de amizade e respeito pelo semelhante e pelo trabalho sério.

  • Facebook Clean
  • LinkedIn Clean
  • Google+ Clean